//X-Men: Como Ages of Apocalypse criou Realidades Alternativas
Ages of Apocalypse

X-Men: Como Ages of Apocalypse criou Realidades Alternativas

O enredo de Ages of Apocalypse viu o vilão de longa data arrastar os X-Men para realidades alternativas que reescreveram a história da equipe.

Enquanto “Age of Apocalypse” foi uma história seminal de X-Men que assumiu a maioria dos quadrinhos mutantes da Marvel por vários meses, “Ages of Apocalypse” de 2000 foi um assunto muito estranho, mas muito mais contido. Este crossover resultou dos eventos de “Apocalypse: The Twelve”, um enredo de longa gestação que se concentrava no antigo vilão que finalmente utilizou uma conspiração de séculos para roubar os poderes de 12 mutantes poderosos em uma tentativa de ganhar a divindade. Mas complicações no plano resultaram em Apocayplse sendo forçado a entrar no corpo de Scott Summers, em vez de seu alvo pretendido de um Nate Gray poderoso.

Usando as energias reunidas, o Apocalipse foi capaz de criar brevemente realidades alternativas de vida curta para tentar prender os X-Men . Agora, estamos dando uma olhada mais de perto no que aconteceu nesses mundos, e como essas breves mudanças na realidade criaram listas inteiramente novas de X-Men.

OS NOVOS CINCO ORIGINAIS

OS NOVOS CINCO ORIGINAIS

A primeira mudança ocorre em Uncanny X-Men # 378 de Alan Davis, Adam Kubert e Graham Nolan. Neste mundo, os cinco X-Men originais eram compostos de Jean Grey, Homen de Gelo e Fera – mas em vez de recrutar Ciclope e Anjo, Xavier trouxe Gambit e Tempestade. A equipe se viu embarcando em sua primeira missão contra Magneto, que ataca e assume o controle do Cape Citadel (uma base de mísseis dos Estados Unidos).

Notavelmente, a Brotherhood of Evil Mutants (Irmandade) reunida em torno de Magneto nesta linha do tempo é uma lista diferente – consistindo em Vampira, Polaris, Solaris e Marrow (Sarah Rushman) – tomando o lugar e até mesmo trajes de Mestre Mental, Feiticeira Escarlate, Mercúrio e Groxo, respectivamente. Os dois grupos discutem sobre o destino de Colossus, até que eles se unem brevemente contra uma multidão de humanos que tentam assassinar Scott Summers. Scott é capaz de avisar Jean sobre as breves mudanças na realidade antes de voltar ao controle do Apocalipse, permitindo que Jean traga os mutantes reunidos de volta à sua realidade.

RESISTÊNCIA DE CABLE

RESISTÊNCIA DE CABLE

Em uma das realidades criadas a partir do caos, o Egito se ergueu novamente sob o governo do Monólito Vivo – e o verdadeiro poder por trás do trono, o Apocalipse. Em poucos anos, o mundo cedeu sob seu domínio. Com um novo império moderno que se estende por três continentes, a resistência ao antigo mutante é liderada por Cable em Cable # 77, de Joe Pruett e Bernard Chang.

Enfrentando exércitos de homens em armaduras de estilo egípcio, Cable lidera o ataque ao lado de Aliya, uma encarnação renascida de sua esposa de um futuro distante em que ele cresceu. A resistência de Cable consiste em ele mesmo, Xavier, Míssil, Apache, M e Sincro. Eles também logo se juntaram aos três principais senhores que governam os remanescentes do mundo livre em oposição a Apocayplse – Tempestade, Solaris e Magneto. O Monólito Vivo atrai os heróis para uma armadilha, no entanto, tentando roubar mais de seu poder. Mas Cable é capaz de quebrar a ilusão e se libertar, embora às custas de Aliya, perdendo a mulher que amava mais uma vez.

O QUARTETO FANTÁSTICO DE LOGAN

O QUARTETO FANTÁSTICO DE LOGAN

Houve várias vezes em todo o multiverso onde o Homem-Aranha, Wolverine, Hulk e Motoqueiro Fantasma formaram sua própria lista do Quarteto Fantástico. Porém, uma das mais tenebrosas foi em Wolverine # 148, de Erik Larsen e Roger Cruz. Nesta realidade, X-Man (Nathaniel Grey) foi corrompido durante a luta contra o Apocalipse, tornando-se Lorde Supremo. A batalha para derrotá-lo custou a vida do Quarteto Fantástico original, bem como da maioria dos Vingadores, quase todos os X-Men e até mesmo do Doutor Destino.

Em sua memória, Homem-Aranha, Wolverine, Hulk e Ghost Rider se tornaram o novo Quarteto Fantástico. A equipe passou anos trabalhando junta, passando por seus próprios dramas. A esposa de Hulk, Betty Ross, foi bombardeada com radiação gama e se tornou a Harpia, tornando-se um inimigo regular do grupo. Peter e Mary Jane tiveram uma filha chamada May, que mesmo na infância desenvolveu os poderes do pai. Embora a equipe tenha agido decentemente contra ameaças como Armin Zola e Annihulus, o grupo não conseguiu impedir o assassinato do presidente Robert Kelly, o que abriu caminho para que Graydon Creed se tornasse presidente.

X-MEN VS. SHI’AR

Na realidade apresentada em X-Men Unlimited # 26 por Joe Pruett e Brett Booth, o mundo foi realmente atacado por uma fonte externa – o Império Shi’Ar. Neste mundo, Rapina ganhou o controle do império depois que Apocayplse aparentemente a ajudou a assassinar sua irmã Lilandra. No rescaldo, ela aliou o Shi’Ar com Apocayplse, tornando-se um de seus Cavaleiros, ao lado de Eric, o Vermelho, Ahab e Caliban. Muitos dos heróis mutantes e aliados são mortos no conflito, incluindo pelo menos Lupina, Meggan e os Morlocks.

Os X-Men restantes se tornaram os principais defensores contra esses ataques, com a lista consistindo em Wolverine, Vampira, Homen de Gelo, Cable, Tempestade, Gambit, Marrow, Dentes-de-sabre e Cecilia Reyes fornecendo proteção para os feridos. Felizmente, a equipe tem um backup na forma de uma Excalibur expandida, liderada por Lince Negra, e consistindo em Noturno, Colossus, Banshee, Capitão Bretanha e Mestra Mental. Os reforços finais na forma de Charles Xavier e um Império Skrull acabam sendo a chave para a vitória, com os heróis mutantes reunidos finalmente capazes de empurrar a armada de volta.

UM FINAL FELIZ

UM FINAL FELIZ

X-Men # 98 de Alan Davis e Terry Kavanagh imaginaram um futuro mais otimista para os X-Men. Ocorrendo décadas no futuro, esses X-Men trouxeram paz para a galáxia aliando-se aos Skrulls. Formando a Universal X-Alliance, o universo encontrou paz, com os Skrulls se tornando altamente respeitados, Galactus sendo contido, e quase toda a guerra cessou. Os X-Men são considerados lendas vivas nas últimas décadas, com a equipe envelhecida eventualmente se reunindo devido ao enfraquecimento da saúde de Charles Xavier.

Isso inclui Jean Grey (que seguiu seus passos para se tornar um professor), Tempestade (depois de ter evoluído para uma força elemental viva), Colossus (um viúvo após a morte de Lince Negra), Gambit e Marrow (que se casou e tinha uma família) , Homem de Gelo(agora um comandante de campo da Alliance-X) e Fera (a ligação principal entre os X-Men, os Vingadores e o Quarteto Fantástico.) Outros aliados como Solaris e X-Man também comparecem, junto com a chegada inesperada de a nova Fraternidade. Ainda liderada por Magneto, o grupo também é formado por Polaris e Cable, que nesse futuro foi totalmente convertido pelo T / O Virus.

Quando Xavier desmaia à beira da morte, os mutantes reunidos tentam reunir seus poderes para salvá-lo. Mas isso é revelado como uma última tentativa de Apocayplse de sugar seus poderes para si mesmo. Mas o poder era demais para controlar de forma contida, e o plano falhou, o que retorna os X-Men à sua realidade natural.

Publicado primeiro em CBR.com por BRANDON ZACHARY e traduzido por TavernaNerd.com

Sou aquele que o recebe feliz em minha taverna, esteja certo de que farei o melhor para que aqui a sua experiência seja única.